Clique para ouvir o texto selecionado !
 

LEITE DE CABRA

blank

LEITE DE CABRA

CIENTISTAS CONCLUEM QUE O LEITE DE CABRA PODERÁ SER UM NOVO ALIMENTO FUNCIONAL

Depois de conduzirem uma série de estudos relativos às características nutricionais do leite de cabra, um grupo de cientistas espanhol concluiu que o mesmo poderá ser naturalmente um novo alimento funcional, ou seja, que poderá contribuir para a manutenção da saúde e redução do risco de algumas patologias.

Esta equipa de investigação, da Universidade de Granada (Espanha), concluiu que o consumo deste leite tem efeitos benéficos tanto para a população em geral como em pacientes que sofram de colesterol, anemia ou osteoporose e também que tenham alguma intolerância à proteína do leite de vaca.

Os benefícios do leite de cabra têm vindo a ser estudados por esta equipa, tendo a mesma já publicado informação sobre o mesmo em vários artigos, nomeadamente sobre a acção deste leite sobre o metabolismo mineral e proteico perante muitas condições fisiológicas e patológicas. A influência positiva do consumo de leite de cabra sobre a capacidade antioxidante e de estabilização do ADN já foi também estudada e divulgada pelos mesmos.

De acordo com estes resultados, o consumo regular de leite de cabra poderá melhorar a recuperação de indivíduos com anemia por deficiência em ferro. Tal deve-se ao facto do leite de cabra estar associado ao aumento da utilização nutricional do ferro e também da regeneração da hemoglobina.

Este leite é também fonte de inúmeros nutrientes importantes para o organismo, entre eles a caseína, que o torna mais similar ao leite humano. Por outro lado, o leite de cabra contém menos caseína alfa1 (tal como o leite humano), enzima esta que é responsável por alergias ao leite de vaca. Por esta razão, em muitos países é utilizado como alimento base de desenvolvimento para crianças, em substituição do leite de vaca.

O leite de cabra contém ainda uma ligeira menor proporção de lactose que o leite de vaca (cerca de um por cento menos).

Os investigadores que conduziram este estudo realçaram ainda que o leite de cabra é rico em cálcio e fósforo, o que poderá melhorar os parâmetros de formação dos ossos. Este leite tem também mais zinco e selénio, que são micronutrientes cujo contributo é essencial para as defesas antioxidantes do organismo e também para a prevenção de doenças neurodegenerativas.

Com base nestes resultados, ficou reforçada a ideia de que o consumo de leite de cabra deveria aumentar e não só por aqueles que têm intolerância à proteína do leite de vaca.

Fonte:

Estes estudos foram publicados nas seguintes revistas: Food Chemistry, Journal of Dairy Research, Journal of Dairy Science and International Dairy Journal.

Sem comentários

Postar um comentário
× Como posso te ajudar?
Send this to a friend
Clique para ouvir o texto selecionado !